Cartas

Sem sinalNo dia 3 de janeiro estava com minha esposa assistindo à programação da NET quando, de repente, a imagem da TV sumiu e apareceu a seguinte mensagem na tela: "Sem sinal." Liguei imediatamente para a NET para obter orientação. A atendente fez inúmeras perguntas, pediu para seguir vários procedimentos de manuseio no receptor e me pediu para esperar. Fiquei aguardando por 13 minutos, até que perdi a paciência. Liguei para a NET novamente e o outro atendente me perguntou tudo de novo, fez-me acompanhá-lo em novos procedimentos, justificando que os que sua colega solicitou estavam em desconformidade com o padrão da NET. Pois bem, feito isso, e nada resolvido, ele agendou uma vista técnica para o dia 6, ou seja, três dias depois de minha queixa! Mas no dia 6 ninguém apareceu. Liguei novamente para a NET e a atendente me disse que não havia nenhuma visita agendada no sistema. Depois de muito reclamar, ela me fez "o favor" de realizar um encaixe de visita técnica para o dia seguinte, às 20 horas. Acabei de investir quase R$ 1 mil num receptor da NET de sinal digital, além do absurdo valor que pago mensalmente, e vejam o que eu ganho dessa empresa! Fica um alerta: se você nunca teve problemas com a NET, o que duvido, prepare-se, pois vai ter!NILTON FERNANDO BOVOSão PauloA NET-SP esclarece que a empresa tentou, sem sucesso, contato com o sr. Nilton Bovo pelo telefone informado. Por esse motivo, a empresa solicitou, por meio do endereço eletrônico do cliente, um outro telefone para contato, a fim de prestar o devido atendimento. A novela do IPVAGostaria de chamar a atenção para mais um serviço que não funciona. No dia 14/1 foi impossível pagar o IPVA. Tentei logo cedo pagar pelo Internet Bank e recebi a informação de que o serviço estava fora do ar. Tentei novamente por volta das 10h30 e recebi a mesma mensagem. Pensei que fosse problema do Internet Bank e fui até uma agência do Unibanco, onde fui informado de que era problema do Detran. Tentei numa agência do Itaú e tive a mesma resposta. Às 17h30 fiz nova tentativa pelo Internet Bank e nada. Gostaria de ter uma resposta do Detran. Vai ser prorrogado o prazo com desconto? Será que eles criaram vergonha e vão rever os valores? Ou são incompetentes até para cobrar?CELSO RIBASSão PauloA Assessoria de Comunicação da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo informa que uma instabilidade no acesso de alguns bancos ao sistema do IPVA no dia 14/1 fez com que uma parcela de contribuintes tivesse problemas para o pagamento do tributo. Embora os casos tenham sido considerados pontuais, a secretaria alterou a data de vencimento para o recolhimento do imposto para os veículos de placa final 4. Contribuintes nessa situação deverão fazer o recolhimento, sem multas, entre os dias 19 e 22 de janeiro. Importante: o pagamento sem multas valerá apenas entre os dias 19 e 22 de janeiro, já que é necessário um prazo para a adequação dos sistemas. O vencimento dos demais veículos continua mantido. A secretaria orienta ainda que, para facilitar o pagamento do tributo, o contribuinte pode acessar o site www.fazenda.sp.gov.br e imprimir a guia de recolhimento do imposto antes de ir ao banco. Dessa forma, conseguirá realizar a quitação mesmo que o sistema do banco esteja fora do ar.Como divulgado na imprensa, o sistema para pagamento do tributo IPVA do dia 14/1 estava falho e a Secretaria da Fazenda postergou o prazo para que os contribuintes pudessem pagar com um prazo maior a primeira parcela. Eu possuo um veículo com placa final 6 e desde o dia 15/1 tento agendar o pagamento, mas sem sucesso. O meu vencimento estava marcado para o dia 16/1 e, até as 21 horas, tentei efetuar o pagamento pelo site ou por telefone, e não consegui. O banco, no meu caso o Citibank, informava sobre as intermitências para pagamento e, inclusive, chegou a dizer que muitos estão enfrentando o mesmo problema e que, provavelmente, o Detran ou a Secretaria da Fazenda informaria aos cidadãos sobre os passos que os correntistas deveriam tomar para pagar a 1.ª parcela do IPVA. Eu tentei fazer o procedimento ontem, 19/1, e, para minha surpresa, eu só tenho a possibilidade de pagar numa única parcela, sem desconto. Eu liguei na Ouvidoria da secretaria, que me informou que o banco deveria ter dito que os correntistas deveriam gerar uma guia no site da secretaria para efetuar o pagamento. O banco, por sua vez, informa que não recebeu esta orientação da secretaria e reforça que, por mais que eu gerasse a guia no dia 16/1, eu só conseguiria que ela fosse gerada com o valor único a pagar.ANDRESSA SCALDAFERRISão Paulo

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.