Casal de argentinos é encontrado morto no Recife

Um homem e uma mulher foram encontrados mortos ontem na praia de Maria Farinha, no litoral norte de Recife. O casal de argentinos Filipe Hector Preziozo, de 55 anos, e Sônia Preziozo, de 45 anos,foi achado no final da manhã com dois gatos também mortos, aparentemente por envenenamento. A polícia suspeita de umpacto de morte, já que os dois deixaram uma carta em que falam em uma suposta "verdade transcendental", para a qual haviam decidido partir.Os argentinos tinham renovado há poucos dias o visto de permanência no país, onde estavam como turistas. Eles moravam em um apartamento alugado, na rua Aloísio de Souza, na principal praia do município de Paulista, que fica na região metropolitana. Há dez dias não eram vistos pelos vizinhos, que suspeitaram de alguma anormalidade noapartamento quando o mau cheiro se espalhou pelos corredores do prédio. Eles comunicaram a irregularidade aos proprietários do imóvel, afirmando que o cheiro estava insuportável. Desconfiando de uma tragédia, os proprietários comunicaram o fato à polícia e ao arrombarem a porta se defrontaram comos corpos já em adiantado estado de decomposição. Eles estavam deitados sobre um colchão e ao lado deles foramachados os dois gatos. Na sala do apartamento havia duas malas prontas - como se eles fossem embarcar - documentos e disquetes. No meiodos papéis a carta foi encontrada. Os vizinhos não souberam dizer se eles pertenciam a alguma seita. As informações sãodo site da Globo News.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.