Casal de austríacos é assassinado na Bahia

A polícia baiana está investigando o assassinato do casal austríaco Reinhold Singnitz, de 50 anos, e sua de mulher Judrung, de 48, encontrados mortos nesta sexta-feira em um sítio do município baiano de Itacaré, no sul do Estado. Reinhold foi morto com cinco tiros de revólver e a mulher morreu por estrangulamento.O casal estava há dois meses no Brasil, onde passava férias no sítio de um amigo, Albert Rainer, que também é austríaco e negocia com jóias. No local do crime os agentes encontraram maconha, cocaína e o cofre arrombado. Mas nada foi levado pelos assassinos, o que aumenta o mistério. Rainer disse que estava cidade vizinha de Itabuna quando os crimes ocorreram.O casal chegou a Itacaré dia 12 de janeiro e regressaria à Áustria no dia 6, de acordo com a data das passagens. Segundo Reiner, tudo estava normal no sítio quando ele deixou o local na noite de quinta-feira para fazer compras.Quando retornou por volta das 14h, encontrou Reinholt e a mulher mortos no quarto de hóspedes. Havia dois empregados na casa, uma doméstica e um caseiro (cujos nomes a polícia preservou) ouvidos pela delegada de Itacaré, Norma de Freitas, que investiga o caso.A empregada disse que estava dormindo quando ouviu os tiros. Assustada, fugiu para o dormitório do caseiro. Os dois só saíram quando Reiner retornou para o sítio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.