Casal de idosos se mata para não dar trabalho à família

Um casal de idosos foi encontrado morto a tiros em sua residência, na região de Cambuci, centro da Capital, por volta do meio-dia. Segundo policiais do 103º Distrito Policial, tudo indica que Urbano Capalbo, de 87 anos, atirou em sua mulher, Anna Seifert Capalbo, de 84 anos, e depois se matou. A polícia trabalha com a hipótese de que o Urbano estava em depressão e, por isso, decidiu morrer e matar a esposa para não dar mais trabalho à família, tendo como base a declaração do filho do casal, Nelson Capalbo. Os dois moravam sozinhos em uma casa no Jardim da Glória, região de Cambuci. A arma do crime foi um revólver de calibre 22.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.