Casal é encontrado morto dentro de loja na Vila Olímpia

Os namorados Edson Nunes Silva, de21 anos, e Maria Glicélia Barbosa, de 18, foram encontradosmortos neste domingo, às 10 horas, em um sobrado na Rua SantaJustina, na Vila Olímpia, zona sul da capital paulista, onde orapaz trabalhava como vendedor havia três anos. Silva tinhamarca de tiro na testa e Maria havia sido atingida na bochecha.Segundo os peritos da Polícia Civil, foi achado um bilhete aolado do corpo da jovem, tendo como destinatária a dona da lojaPaula Almeida Cerâmica. No texto, Silva escreveu: "Essadesgraçada me fez fazer isso". A arma era legalizada e pertenciaao pai do jovem. A proprietária da loja chegou pela manhã e encontrou oscorpos. Amigos do rapaz foram para o local em seguida. Omotorista José Reinaldo Bibiano, de 33 anos, contou que recebeuuma ligação de Silva às 9h40. O rapaz disse que queria sedespedir, pois tinha viagem marcada para a Bahia. "Percebi queele estava bastante tenso. Foi aí que eu escutei um barulho eele me disse que precisava desligar". Bibiano contou que o casalestava junto havia três anos. Outro amigo de Silva, que não quis se identificar,afirmou que o casal pretendia ficar noivo ainda este ano. "Ela éque era um pouco ciumenta."No 15.º Distrito Policial, uma colega de Maria contou que Silvaera o ciumento. Mas parentes da jovem disseram que ela nuncahavia reclamado de agressões. A família da garota sabia apenasque Silva não gostou quando ela começou a trabalhar três mesesatrás.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.