Casal é preso acusado de matar filho recém-nascido no RS

Paulo Ricardo Pires dos Santos, 41 anos e Regina Elaine Pereira, 31, pais de um bebê encontrado morto em um valão no bairro Mathias Velho, em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, foram presos hoje pela manhã, acusados da morte da criança.A criança, que nasceu sábado, na casa dos pais, foi jogada, junto com uma sacola de roupas no Valo do Leão. Regina disse que colocou o bebê em um saco plástico porque não chorava nem se mexia. Santos afirmou que não estava em casa quando a criança nasceu. Esta é a segunda vez que Regina jogou um recém-nascido no valão, conforme relato da vizinha Romaria da Silveira: "Há três anos eles fizeram a mesma coisa". O casal tem uma filha de seis anos, que foi encaminhada aos cuidados do Conselho Tutelar.Já em Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo, distante 130 quilômetros de Porto Alegre, a menina Bianca Couto Corrêa, continua em estado grave na UTI do hospital Santa Cruz, após ser atingida por uma bala perdida no pescoço, resultado de um tiroteio entre gangues rivais. Ela estava no colo do pai Alexsander Corrêa, que tomava chimarrão com a criança no colo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.