Casal encontra corpo esquartejado dentro de mala em Goiânia

Suspeita da Polícia Militar é que, devido a estado de decomposição, corpo foi abandonado há cerca de 60 dias

Solange Spigliatti, Central de Notícias

05 de outubro de 2009 | 16h59

Um casal de moradores de Goiânia encontrou na tarde de domingo um corpo esquartejado em avançado estado de decomposição dentro de uma mala. A morte, segundo a Polícia Militar, deve te ocorrido há aproximadamente 60 dias. O casal lavava roupa no Ribeirão João Leite, no Setor Goiânia 2, na região norte da cidade, quando avistaram uma mala, por volta das 15h45.

 

Ao abrirem a mala encontraram o corpo, provavelmente de uma mulher. Segundo a Polícia Militar, apenas o tronco e os cabelos da vítima estavam dentro da bagagem. Um produto ainda não identificado estava espalhado pela mala, que segundo a PM, deve ter sido usado para causar a rápida decomposição do corpo.

 

A polícia ainda não tem informações sobre a identificação da vítima, que deverá passar por um teste de DNA. Parentes e amigos de pessoas desaparecidas na região devem fazer o reconhecimento a partir desta segunda-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
Goiâniacrimeesquertejamentopolícia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.