Casal Hernandes responde a processo no País

A Igreja Apostólica Renascer em Cristo foi fundada em 1986 pelo ex-corretor de imóveis Estevam Hernandes Filho. Sucesso de marketing, a Renascer vem acumulando problemas na Justiça. Após diversas acusações de enriquecimento ilícito e lavagem de dinheiro no Brasil, os líderes da igreja, Estevam e Sonia Hernandes, foram presos nos EUA em janeiro de 2007. Eles tentaram entrar no país com US$ 56 mil não declarados. As autoridades americanas encontraram dinheiro até mesmo dentro de uma Bíblia. O casal foi condenado a pagar multa de US$ 30 mil cada um e a cumprir dez meses de pena intercalada, no presídio e e em casa. Nesse período, faziam aparições via satélite em programas da igreja.Em outubro do ano passado, o Supremo Tribunal Federal (STF) indeferiu um pedido de liminar para que fosse arquivado o processo a que respondem no Brasil por lavagem de dinheiro. O Ministério Público acusa os dois de aumentarem seu patrimônio, explorando a fé alheia e de sonegação fiscal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.