Casal pede ajuda para conhecer filho trocado na maternidade

Na cidade de Nova Andradina, a 270 quilômetros de Campo Grande, o casal Aureni Alves da Silva e Cícero Severo dos Santos está pedindo ajuda de empresas para conhecer o filho que foi trocado por outra criança no hospital há 17 anos. Os pais, que descobriram o engano, já conversaram por telefone com o outro casal, mas não têm recursos financeiros para financiar a viagem e encontrar o filho legítimo, que mora em São Leopoldo (RS).Tudo começou no dia 16 de novembro de 1987, quando as crianças foram levadas do hospital por pais diferentes. Depois da suspeita de que o filho Bruno Alves Severo dos Santos não é legítimo do casal, foi iniciada uma busca, examinando os relatórios das parturientes daquele dia. A pesquisa demorou cinco anos e constatou que o verdadeiro filho está em São Leopoldo (RS).Neuza Rodrigues de Souza é a mãe biológica de Bruno. Aureni e Cícero são os verdadeiros pais de Gustavo Rodrigues Rempel. O primeiro contato entre as duas famílias ocorreu em setembro passado, por telefone. A família de Mato Grosso do Sul está juntando recursos para uma visita pessoal.

Agencia Estado,

23 de novembro de 2004 | 15h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.