Casamento coletivo unirá 123 casais em Itu

Um casamento coletivo vai unir, de uma só vez, 123 casais, no domingo, em Itu, a 98 quilômetros de São Paulo. Será a sexta edição do "casamento na praça", uma tradição iniciada em 1993, com 108 casais. A cidade, conhecida pela fama de grandeza, já figura no Guiness Book, o livro dos recordes, por realizar a maior cerimônia religiosa de casamento. O recorde foi batido em 1996, quando 158 casais participaram da solenidade, realizada na Praça Padre Miguel, a principal da cidade. O casamento deixou de ser realizado em 1997, mas foi retomado no ano passado, com 80 casais. Domingo, o aposentado José Manoel da Silva, de 83 anos, vai casar-se com Elvira Calixto Rocha, de 74. Será o casal de mais idade na cerimônia. A estudante Letícia da Silva Juizane, de 17, a noiva mais jovem, precisou de autorização dos pais para unir-se a Ronild Ramos Silva, de 23. A cerimônia é bancada pela prefeitura, através do Fundo Social de Solidariedade, e só foram aceitos casais de poucos recursos financeiros. Boa parte dos casais já vive junto e vai aproveitar para oficializar a união sem ter despesas. Domingos Souza Meirelles esperou 23 anos para confirmar sua união com Jandira Elizabet do Nascimento. Além de pagar as custas de cartório, a prefeitura providenciou convites para os noivos entregarem a parentes e amigos. Eles terão ainda, para comemorar, um bolo de 250 quilos que começa a ser preparado no sábado. Uma banda vai tocar a marcha nupcial durante a cerimônia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.