Cemitérios precisarão de aval para abrir valas

ANOS DE CHUMBO

, O Estado de S.Paulo

28 de maio de 2010 | 00h00

O Ministério Público Federal notificou a Prefeitura de São Paulo para que o Serviço Funerário não faça alterações ou abra ossários e valas-comuns nos cemitérios de Parelheiros e Vila Formosa sem o acompanhamento da procuradoria e da Comissão Especial Sobre Mortos e Desaparecidos Políticos da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência. Segundo o ministério, "há notícias de que ambos os cemitérios podem ter sido usados para ocultar restos mortais de desaparecidos políticos durante a ditadura militar".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.