Cerca de 4,5 mil imóveis seguem sem luz em Santa Catarina

Em uma semana, Celesc pretende normalizar fornecimento de energia em Blumenau e Itajaí caso não chova mais

Elvis Pereira, estadao.com.br

03 de dezembro de 2008 | 18h56

O total de imóveis sem energia nas regiões de Itajaí e Blumenau recuou para cerca de 4,5 mil nesta quarta-feira, 3. A Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc) pretende normalizar o fornecimento dentro de uma semana, caso não ocorram novas chuvas. Nesse período, a concessionária vai construir uma rede de alta de tensão de 32 quilômetros, entre Navegantes e Luis Alves. O objetivo é atender este último município, onde mais de 600 imóveis estão sem luz.   Veja também: Trabalhos na encosta impedem liberação de BR Saiba como ajudar as vítimas das chuvas  Saúde SC notifica 62 suspeitas de leptospirose Mais de 30 mil voltam para casa em SC TBG retoma obras de reparo do gasoduto Paraná encerra doações a Santa Catarina IML divulga lista de vítimas identificadas Repórteres relatam deslizamento em Ilhota  Mulher fala da perda de parentes em SC Tragédia em Santa Catarina  Blog: envie seu relato sobre as chuvas  Veja galeria de fotos dos estragos em SC   Tudo sobre as vítimas das chuvas      Em Itajaí, onde novos deslizamentos desfizeram alguns trabalhos da Celesc, mais de mil imóveis ainda não dispõe de energia. Como a rede de alta tensão já foi reconstruída, a empresa agora efetua a troca de medidores de casas e comércios. Estima-se que mais de 10 mil medidores foram substituídos no município, até o momento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.