Cerca de mil botijões vendidos ilegalmente são apreendidos no Rio

Operação para fiscalizar depósitos irregulares envolveu 50 pessoas; 11 revendas foram interditadas

Priscila Trindade, da Central de Notícias

28 de maio de 2010 | 19h30

SÃO PAULO - Cerca de mil botijões de gás foram apreendidos em revendas clandestinas nesta sexta-feira, 28, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A operação para fiscalizar depósitos irregulares de botijão de gás envolveu cerca de 50 pessoas da Agência Nacional de Petróleo (ANP), da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco) e do Ministério Público estadual.

 

Das 25 revendas fiscalizadas, 11 foram interditadas. Durante a ação, o dono de uma casa no bairro Vila São Luís foi multado por armazenar 27 botijões cheios no local de forma irregular.

 

Ontem, o MP apreendeu 214 botijões no município de Campos dos Goytacazes. Duas pessoas foram presas em flagrante, uma por posse de arma de fogo e outra por ter armazenar uma máquina caça-níquel.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.