Cesar Maia diminui críticas a Alckmin por apoio de Garotinho

O prefeito do Rio, Cesar Maia, baixou nesta sexta-feira o tom de suas críticas ao tucano Geraldo Alckmin, candidato à Presidência, em sua newsletter diária.De maneira mais branda, ele voltou a questionar o apoio do ex-governador Anthony Garotinho, seu maior rival no Rio, a Alckmin. Observou que a versão do ex-governador do Rio, que disse ter sido procurado pelo tucano, não coincide com a apresentada pelo PSDB.Na quinta, o prefeito repetiu ao Estado que, apesar de sua candidata ao governo estadual, Denise Frossard (PPS), ter recuado no rompimento com a campanha de Alckmin, nada mudou na sua posição de abandonar a coordenação da campanha do tucano. Ele reafirmou que se dedicará somente à campanha de Denise, deixando a do tucano para o PSDB fluminense.O prefeito voltou a fazer suas costumeiras análises estatísticas, especulando sobre as chances de Alckmin conquistar os votos que foram de Heloísa Helena (PSOL) e Cristovam Buarque (PDT) no primeiro turno.Para o prefeito, garantir a totalidade dos votos flutuantes neste segundo turno é impossível, portanto só resta ao tucano "uma campanha agressiva para desconstituir Lula e capturar seus eleitores".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.