CET fecha pistas da Marginal do Pinheiros

Interdição ocorre de amanhã até sábado, para içar partes da ponte estaiada

O Estadao de S.Paulo

24 de dezembro de 2007 | 00h00

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) vai interditar, de amanhã até sábado, o trecho entre as Pontes Ary Torres e Morumbi da Marginal do Pinheiros, no sentido Interlagos, na zona sul de São Paulo. Serão fechadas alternadamente as pistas expressa e local, entre 23 e 5 horas. Segundo a CET, agentes de trânsito estarão no local para orientar os motoristas e indicar rotas alternativas.O local será interditado para o içamento de estrutura das obras de construção da ponte estaiada, um prolongamento da Avenida Jornalista Roberto Marinho, que vai passar por cima da Marginal do Pinheiros. A previsão é que a ponte seja inaugurada em março. A construção dessa passagem vai custar R$ 233 milhões e faz parte da Operação Urbana Consorciada Água Espraiada. A obra foi projetada na gestão de Martha Suplicy (PT) e suspensa no início de 2005, quando José Serra (PSDB) assumiu a Prefeitura.RODÍZIOO rodízio de veículos em São Paulo está suspenso desde ontem e deixa de vigorar até o dia 14 de janeiro. A medida foi adotada pela CET porque, nesta época do ano, diminui o tráfego na capital. Desta vez, a suspensão do rodízio vai durar 21 dias. Nos anos anteriores, o período foi de 30 dias. O rodízio tira das ruas do centro expandido cerca de 20% da frota da capital, que é de 5,5 milhões de veículos.Em julho, aproveitando as férias escolares, o prefeito Gilberto Kassab (DEM) determinou a suspensão do rodízio em caráter experimental. A medida não funcionou. A cidade enfrentou grandes índices de congestionamento e motoristas chegaram a pedir a volta da restrição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.