Cetesb acusa empresa de contaminar terreno

Uma empresa é acusada de demolir irregularmente galpões com lixo tóxico no Jaguaré, zona oeste de São Paulo. Segundo a Cetesb, a Construtora São José retirou telhas e derrubou paredes do imóvel, permitindo que a chuva espalhasse o material. Há risco de contaminação do solo e do lençol freático. A construtora diz que não fez nada sem autorização.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.