Chacina deixa nove pessoas mortas em Curitiba

Nove pessoas foram assassinadas e duas estão internadas após uma chacina na noite de ontem no bairro Alto Maracanã, em Colombo, na região metropolitana de Curitiba. Entre os internados está um bebê que foi espancado pelos assassinos.Algumas testemunhas informaram à polícia que viram dois homens entrarem dentro de uma casa, após estacionarem uma motocicleta. Logo em seguida foram ouvidos 16 tiros e a polícia foi chamada, mas eles haviam fugido. A polícia acredita que o crime pode ser um acerto de contas entre traficantes. Uma das vítimas, Hélio Dias Duarte, 51 anos, já cumpriu pena por tráfico em Bocaiúva do Sul, Colombo e na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Piraquara.Os assassinos não pouparam as crianças de 4, 8 e 14 anos de idade que estavam na casa. Elas foram mortas com golpes de picareta. A mulher que está internada, considerada a principal testemunha do caso, fingiu-se de morta e enganou os bandidos.A polícia acredita que o crime pode estar relacionado a outra chacina ocorrida em Curitiba, na quinta-feira, quando uma casa no bairro Uberaba foi invadida e cinco pessoas foram mortas. Ambas as placas dos veículos utilizados pelos assassinos são de Colombo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.