Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Chacina deixa quatro mortos em São José dos Campos

Quatro pessoas foramassassinadas na noite de domingo, no bairro Galo Branco, emSão José dos Campos, Vale do Paraíba. As vítimas, dois homense duas mulheres, foram torturadas, amarradas com fios detelefone e mortas a facadas. Os corpos foram encontrados nanoite de segunda-feira, por volta das 20h30, quando vizinhoschamaram a polícia por causa do mau cheiro. O delegado seccional de São José dos Campos, RobertoMonteiro, disse que o crime está ligado ao tráfico de drogas.Morreram Sandra Campelo de Amorim, de 23 anos, Cíntia Barbosa,de 17 anos, e Peter Roberto Cibin. A quarta vítima não foiidentificada até o começo da noite de hoje. Sandra foi apontadacomo mulher de um homem identificado como Chicão, que estariapreso por tráfico na cadeia pública de São José dos Campos. Um dos moradores do bairro Galo Branco, que preferiu nãose identificar, disse que não ouviu nada no domingo. "A gentesabia que alguém aí mexia com criminosos, mas não ouvi nada."Parentes das vítimas foram até a casa para buscar os pertences das vítimas. O tio de uma das mulheresassassinadas, Maurício Marques, afirmou não saber os motivos docrime. Com esta chacina, subiu para 17 o número de vítimas dehomicídio na região do Litoral Norte e Vale do Paraíba durante ocarnaval. "Apesar do número alto de homicídios, não se podemedir a violência por este crime. Com relação a outros crimes,podemos dizer que o carnaval está tranqüilo", disse odelegado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.