Chacina deixa três mortos e um ferido na região metropolitana de Salvador

Polícia acredita que motivo da chacina seria acerto de contas do tráfico de drogas

Tiago Décimo , O Estado de S. Paulo

10 Outubro 2011 | 11h51

SALVADOR - Um homem de 20 anos, uma mulher de 42 e uma adolescente de 14 foram mortos e a mãe da adolescente ficou ferida em uma chacina ocorrida na noite de domingo, no bairro periférico de Portão, em Lauro de Freitas (BA), região metropolitana de Salvador.

Segundo testemunhas, um grupo armado chegou à casa onde estavam as vítimas em um carro preto, por volta das 21 horas. O alvo dos atiradores seria Natan Silva, de 20 anos. Ele foi morto com mais de 20 tiros. Agentes da 34.ª Delegacia, que investigam o crime, acreditam que o motivo da chacina seria acerto de contas do tráfico de drogas, mas nenhuma das vítimas tinha passagem pela polícia.

A adolescente e as mulheres teriam sido baleadas para não identificar os atiradores, mas Odevânia Santos, de 34 anos, ferida na perna, foi atendida no Hospital Menandro de Farias e já recebeu alta. Segundo a polícia, ela deve prestar depoimento ainda nesta segunda-feira, 10.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.