Chacina em Campinas deixa quatro menores mortos

Quatro menores - três homens e uma jovem grávida de seis meses - foram executados na madrugada de hoje, por volta das 2 horas, no Jardim Columbia, na região do bairro Campo Belo, em Campinas, a 90 quilômetros de São Paulo. Os menores haviam invadido uma casa no local há cerca de 15 dias. A polícia não informou a identidade dos três rapazes e da garota. Segundo policiais da Delegacia de Homicídios, cinco suspeitos do crime tinham sido identificados na tarde de hoje.Segundo a polícia, os criminosos teriam ido até a casa onde moravam os quatro adolescentes e procurado um deles pelo nome. Como o rapaz não quis sair, o grupo invadiu a casa e matou os quatro jovens. Um foi morto na cozinha, a garota, de 16 anos, no banheiro, e outros dois do lado de fora do imóvel, quando tentavam fugir. Os três rapazes mortos tinham uma cruz tatuada no corpo,o que indicaria serem criminosos de alta periculosidade.A Polícia Militar e a Polícia Civil informaram que, pelas características, a principal hipótese é que o crime tenha ocorrido como um acerto de contas. Mas o motivo ainda não havia sido apurado até o final da tarde de hoje.Essa é a segunda chacina ocorrida em Campinas este ano. No último dia 9, três homens foram executados com tiros na cabeça dentro de um carro às margens da Rodovia Dom Pedro I. Policiais informaram que eles tinham passagem pela polícia.

Agencia Estado,

21 de janeiro de 2002 | 21h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.