Chinês vítima de roubo no trânsito mata bandido

Um empresário, inconformado por ser assaltado em pleno trânsito de São Paulo, peserguiu o bandido e acabou matando-o. O chinês Li Hsiao Wen, de 34 anos, estava em seu veículo um Audi-A3, por volta das 19h de ontem, na Rua Guaraiúva, no Brooklin, zona Sul da capital, quando um motoqueiro anunciou um assalto. Ele teve de baixar o vidro do carro e entregar seu notebook que estava sobre o banco. O motoboy, armado com um revólver calibre 38 em uma moto CG 125, tomou o notebook da vítima e fugiu. O empresário seguiu o assaltante e jogou o criminoso contra um muro. O motoboy morreu no local. Os policiais encontraram com ele ainda dois aparelhos de telefone celular que possivelmente foram roubados de outras vítimas. O caso foi registrado no 96º Distrito Policial, do Brooklin, pela delegada Silvia Maria Raposo.

Agencia Estado,

22 de novembro de 2002 | 07h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.