Marcos Arcoverde/AE
Marcos Arcoverde/AE

Choque chega à Estação Nilópolis e fogo em trem é controlado

Passageiros atearam fogo em um dos trens depois que circulação foi interrompida em direção à Central do Brasil

Clarissa Thomé, O Estado de S. Paulo, e Solange Spigliatti, Central de Notícias,

07 de outubro de 2009 | 10h59

O Batalhão de Choque (BPChoque) chegou à estação de trem de Nilópolis, na Baixada Fluminense, no Rio, por volta das 10h15 desta quarta-feira, 7, para organizar o tumulto provocado entre os passageiros, segundo a Polícia Militar. Um dos trens pegou fogo durante a manifestação. Pelo menos 11 pessoas ficaram feridas, segundo informações da GloboNews.

 

O Choque foi chamado ao local para retirar passageiros que ocupam a linha do trem. Outras duas estações - Mesquita e Comendador Soares - também tiveram a segurança reforçada.

 

O tumulto começou por volta das 8 horas, quando um trem do ramal de Japeri apresentou defeito e parou a 100 metros da Estação de Nilópolis. Passageiros tiveram de andar a pé até a estação. A circulação de trens do percurso Japeri-Central do Brasil está interrompida desde as 7h40.

 

Revoltados, algumas pessoas que não puderam seguir viagem atearam fogo à composição próximo à Estação de Mesquita. Também houve destruição de bilheterias.

 

Tudo o que sabemos sobre:
RioSuperViatremtransporte

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.