Chuva acumulada em março supera a média de janeiro

A chuva acumulada desde 1º de março até as 9 horas da manhã desta quarta-feira, 8, alcançou 257,2 milímetros. A marca supera em 44% a média histórica de março, que é de 178,3 milímetros. O valor é considerado alto para a época. A média em janeiro, tradicionalmente o mês mais chuvoso na capital paulista, é de aproximadamente 254 milímetros.Ontem não choveu de forma generalizada na Grande São Paulo, mas a zona norte teve outro temporal. Segundo a meteorologista Josélia Pegorim, da Climatempo, a estação meteorológica do Mirante de Santana, que fica na zona norte da cidade, sentiu a passagem das nuvens carregadas e registrou 55,2 milímetros, cerca de 31% da média de chuva de março.A meteorologista lembra que em março de 2005, o Mirante de Santana acumulou 286,6 milímetros de chuva, 61% acima da média. Naquela época, quase toda a chuva caiu na segunda quinzena, entre os dias 12 e 21. "Os paulistanos vão ficar livres de temporais por alguns dias. A passagem de uma massa de ar mais seco sobre a cidade diminui a chance de formação de nuvens pesadas. Uma nova frente fria passa pela capital na sexta-feira, mas será rápida", comenta a meteorologista.Após a passagem desta frente fria, o vento marítimo deve ser constante no fim de semana e trazer muita umidade para cidade, mas pouca chuva. A temperatura vai ficar amena, especialmente na madrugada. Nesta quarta-feira, a mínima registrada no Mirante de Santana foi de 18,7 graus, temperatura que não era atingida desde o dia 12 de fevereiro quando também foi registrada esta marca.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.