Chuva dá trégua em MG, mas deve voltar nos próximos dias

As chuvas que castigaram Minas Gerais por 11 dias deram uma trégua neste sábado na maior parte do Estado. Mesmo assim, a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec-MG) registrou a incidência de chuva em algumas regiões, principalmente na Zona da Mata e na região Leste. Porém, não houve danos nem vítimas. Na capital mineira, desde o início das chuvas, 97 famílias receberam alerta da Companhia Urbanizadora (Urbel) para deixarem suas casas. O número de famílias indicadas para remoção de áreas de risco na capital já supera em 30% o índice referente ao mesmo período da última temporada chuvosa. A região Leste foi a área mais atingida pelos temporais. Até agora, em todo Estado, quase 200 mil pessoas já foram afetadas pelas chuvas desde outubro. A Defesa Civil registra 17 mortos, 80 feridos, 12 mil desalojados e 4 mil desabrigados. Desde dezembro, 40 municípios receberam ajuda da Cedec e 61 decretaram situação de emergência.Apesar da trégua, a Defesa Civil e as unidades do Corpo de Bombeiros continuam em alerta nas regiões da Zona da Mata, Leste e Sul, que podem voltar a receber chuvas nos próximos dias. Na Zona da Mata, os municípios de Matias Barbosa, Juiz de Fora e Cataguases foram os mais atingidos pela chuva. Na Sul, as cidades de Itajubá e Pouso Alegre, foram inundadas pelos rios Sapucaí e Mandu. Na região Leste, o nível do rio Doce, que inundou parte da cidade de Governador Valadares vem baixando.

Agencia Estado,

06 de janeiro de 2007 | 13h15

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.