Chuva deixa 8 municípios em situação de emergência no RS

Alegrete tornou-se hoje o oitavo município do Rio Grande do Sul a decretar situação de emergência por causa das chuvas da primeira metade da semana. O rio Ibirapuitã, que circunda a cidade, subiu oito metros com a água que chegou de suas cabeceiras e desalojou mais 15 famílias, que somaram-se às 20 que já estavam desabrigadas desde quinta-feira.Em outras regiões atingidas pelas chuvas e vendavais, a situação foi amenizada pelo dia ensolarado. Em Candiota, 200 famílias de assentados da reforma agrária puderam começar a recolocar telhas em suas casas ou refazer seus barracos de lona. Em Dom Pedrito, o rio Santa Maria começou a baixar. As 600 famílias desabrigadas desde terça-feira devem começar a voltar para casa amanhã. Também estão em situação de emergência os municípios de Quaraí, por enchente, e Sete de Setembro, Bom Progresso, Braga e Guarani das Missões, onde um vendaval deixou centenas de casas destelhadas na noite de terça-feira para quarta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.