Chuva deixa 9 cidades do RS em estado de emergência

Cerca de 150 mil pessoas foram atingidas pelos temporais, que devem continuar pelo menos até sábado

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

11 de setembro de 2009 | 09h42

Nove cidades do Rio Grande do Sul haviam decretado situação de emergência devido às chuvas até a tarde desta quinta-feira, 10, segundo a Defesa Civil estadual. Os municípios gaúchos que estão em alerta são Ibirapuitã, Seberi, Lavras do Sul, Santa Maria, Porto Xavier, Victor Graeff, Itaara, Ibirubá e Frederico Westphalen.

 

A chuva e o vento atingiram cerca de 150 mil pessoas em 32 municípios e deixaram 11 feridos leves no Estado. Cerca de 4.330 residências tiveram avarias e outras 65 foram destruídas.

 

Para auxiliar na reconstrução das residências danificadas pelo temporal da última segunda-feira, 7, o governo do Rio Grande do Sul, por intermédio da Defesa Civil, enviou 18.750 itens, entre telhas, kits de forros de cama, cestas básicas e kits de limpeza.

 

Previsão

 

Deve continuar chovendo forte em áreas isoladas do Rio Grande do Sul pelo menos até o próximo sábado, 12, informa a Defesa Civil do Estado. A previsão indica que as condições meteorológicas estão favoráveis a pancadas e trovoadas, principalmente no Centro, no Norte e no Nordeste.

 

Pode haver ainda pancadas de chuva e trovoadas, com possibilidade de precipitações em todas as regiões nesta sexta-feira, 11.

Tudo o que sabemos sobre:
chuvasRSsituação de emergência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.