Chuva deixa quatro mortos e um desaparecido em Campinas

A chuva que caiu sobre Campinas, a 100 quilômetros da capital paulista, durante toda esta segunda-feira, deixou até o momento quatro pessoas mortas e uma desaparecida. Na noite de ontem, policiais militares do Corpo de Bombeiros encontraram os corpos de três pessoas de uma mesma família.Nelson Botelho, 57, a filha dele, Renata Rangel, de 18 anos, que era portadora de deficiência física, e a neta Beatriz, de 2 anos, morreram afogados dentro da própria residência, localizada no Parque Imperador. No Jardim Tamoio, durante à tarde, Érika Tavares da Silva, de 21 anos, foi soterrada após o rompimento de numa galeria de esgoto. Ela voltava a pé para a casa, quando o asfalto cedeu. Várias equipes do Corpo de Bombeiros ainda procuram por uma pessoa que continua desaparecida. Segundo os bombeiros, a chuva já diminuiu na região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.