Chuva deixa regiões de São Paulo em atenção e causa alagamentos

Precipitação é forte nas zonas leste e sudeste da capital

estadão.com.br,

09 de dezembro de 2011 | 17h51

SÃO PAULO - O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) decretou estado de atenção para alagamentos às 17h40 desta sexta-feira, 9, nas zonas oeste, sudeste, leste, centro e na Marginal do Pinheiros por causa da chuva. Por volta das 19h10, a zona norte e a Marginal do Tietê também entraram em estado de atenção.

Segundo o órgão, as chuvas persistem em diversos pontos da cidade. De acordo com imagens de radar, a precipitação é moderada em praticamente todos os bairros das zonas norte, oeste, centro, leste e sudeste. Na zona sul, observa-se apenas chuva fraca.

Às 19h30, a cidade registrava nove pontos de alagamento, todos transitáveis. Alguns deles estão na Avenida Sumaré, com a Praça Marrey Júnior, na Avenida Aricanduva, com a Rua Baquia, e na Rua Romão Gomes, próximo da Avenida Valdemar Ferreira.

Segundo os meteorologistas do CGE, por conta de uma extensa linha de instabilidade as chuvas persistem nas próximas horas, variando de intensidade. Às 14h, o aeroporto de Guarulhos registrou rajadas de vento de aproximadamente 39km/h.

Nos próximos dias, as áreas de instabilidade se afastam para os outros estados do Sudeste, mas o vento úmido que sopra do mar ajuda a formar muitas nuvens baixas sobre a Grande São Paulo, provocando chuviscos e chuva leve, principalmente no sábado, 10. O dia deve ter mínima de 18ºC e máxima de 22ºC. No domingo, 11, o tempo permanece nublado com algumas aberturas de sol no decorrer do dia. As temperaturas oscilam entre de 16ºC e 25ºC.

Mais conteúdo sobre:
chuvaatençãoalagamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.