Chuva e vento cancelam Desfile da Independência no Rio

As fortes chuvas no Rio no início da manhã deste sábado, marcadas por ventos de até 100 km/h, provocaram a suspensão da parada cívico-militar de 7 de Setembro, prevista para começar às 8h na avenida Presidente Vargas, no centro. Segundo o coronel Ivan Cosme de Oliveira Pinheiro, chefe da Comunicação Social do Comando Militar do Leste, o desfile foi suspenso para evitar riscos aos participantes e à população, já que os ventos eram tão fortes que arrancaram a cobertura do palanque montado na avenida. ?Tenho 35 anos de Exército e nunca vi um desfile da Independência cancelado?, disse. ?Tentamos evitar que a população saísse de casa embaixo daquele temporal?.Cerca de 5 mil pessoas, entre integrantes das Forças Armadas, Polícia Militar e entidades da sociedade civil, estavam se preparando para desfilar. Este ano, por causa de cortes no Orçamento, foi restringido o uso de veículos, como medida de economia. ?É preferível priorizar os exercícios de adestramento que gastar combustível em um desfile?, disse o militar.Também por falta de dinheiro, o exército reduziu de 2,1 mil para 1,5 mil o número de pessoas no desfile.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.