Chuva forte causa alagamentos e deixa milhares sem luz em Curitiba

Cidade teve nove pontos de enchentes e quedas de árvores; queda de energia afetou 30 bairros

22 de abril de 2010 | 22h06

Dimas Rodrigues, especial para O Estado de S. Paulo

 

CURITIBA - Uma forte chuva que começou por volta das 18 horas desta quinta-feira, 22, em Curitiba e região causou alagamentos nas ruas, queda de galhos e árvores e deixou sem luz aproximadamente 200 mil pessoas, em 30 bairros.

 

Muitos faróis também foram afetados, o que complicou a volta dos curitibanos do trabalho para casa. Contudo, de acordo com informações da assessoria de imprensa da Prefeitura de Curitiba, até às 21h40 não houve registro de feridos ou desabrigados.

 

Foram registrados nove pontos de alagamentos, nos bairros Pinheirinho, Portão, Boa Vista e Bairro Novo. A Defesa Civil e a Cosedi (Comissão de Segurança de Edificações e Imóveis) atendeu ainda dois casos de desabamento de casas, um no bairro Boqueirão e outro no Portão. Foram distribuídas lonas e telhas.

 

Interior

 

No interior do Paraná, na região sudoeste e centro-sul, a chuva dura dois dias e afetou cerca de 2 mil pessoas. Francisco Beltrão e General Carneiro são as cidades mais atingidas pelas chuvas.

Tudo o que sabemos sobre:
chuvaluzenergiaCuritiba

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.