Chuva forte causa estragos em cidades mineiras

Enxurradas e deslizamentos afetaram três mil moradores em São Thomé das Letras

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

30 de dezembro de 2009 | 12h03

A forte chuva da última segunda-feira, 28, que atingiu o Estado de Minas Gerais, causou vários transtornos a algumas cidades mineiras, segundo informações da Defesa Civil Estadual.

 

Em São Thomé das Letras, no sul do Estado, as chuvas provocaram enxurradas, deslizamentos e o transbordamento de rios e córregos da região, afetando cerca de três mil moradores e danificando duas casas.

 

Na cidade de Caputira, na Região da Zona da Mata, a intensa precipitação pluviométrica atingiu o município por volta das 16 horas, provocando enchentes em várias partes da cidade, desalojando cerca de 300 pessoas.

 

Em Belo Horizonte foram registradas 194 ocorrências até o final da noite desta terça-feira, 29, e a maioria dos casos foram alagamentos em vários pontos da cidade, segundo a defesa civil.

 

Segundo informações do Coordenador de Operações, na Rua Brigadeiro Eduardo Gomes, no Glória, região Noroeste da capital mineira, ficou inundada e deixou alguns moradores ilhados. O nível do Rio Arrudas subiu cerca de 3,5 metros acima do normal. Com isso, o trânsito na Tereza Cristina, sentido bairro-Centro, ficou congestionado na região dos bairros Coração Eucarístico e Calafate.

 

Houve ainda um deslizamento de barranco sobre duas casas na Rua São Leopoldo, no bairro Santa Cruz. As pessoas que estavam no local foram retiradas pela Defesa Civil. No bairro Solar do Barreiro, uma mulher grávida de três meses sofreu ferimentos depois que uma casa desabou na Rua Warley Apareceido Martins. De acordo com os bombeiros, a gestante teve escoriações pelo corpo e reclamava de dores nas costas.

Tudo o que sabemos sobre:
chuvaMinas Gerais

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.