Chuva forte põe Santos e Cubatão em alerta

Os 17 morros de Santos estão em estado de atenção desde a manhã do dia 1º, devido às fortes chuvas que vêm caindo sobre a região, a partir da virada do ano. O índice pluviométrico atingiu a marca dos 107 mm, mas o número aumento no decorrer do período. Ontem, por volta do meio-dia, o índice chegou a 125,8 mm, colocando a Defesa Civil de prontidão, promovendo o monitoramento de todas as áreas de risco. De acordo com Luiz Marcos Albino, coordenador da Regional dos Morros, o índice pluviométrico da cidade está 25% superior ao normal. Hoje à tarde, técnicos devem visitar os moradores das áreas de risco, num trabalho de orientação às famílias, para que não ficassem assustadas.Em Cubatão, apesar do índice pluviométrico ser inferior ao de Santos (88,5 mm), dois deslizamentos foram registrados no Morro do Grotão. A Defesa Civil está em atenção máxima, mas não viu necessidade de retirar os moradores do local. No Grotão, vivem mais de mil famílias em área de risco. São Vicente também decretou estado de atenção. O presidente da Defesa Civil, Alberto Junqueira, garante que até o meio-dia de hoje não houve qualquer tipo de incidente no município. Já o Guarujá está em estado de observação.

Agencia Estado,

02 de janeiro de 2004 | 14h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.