Chuva mata quatro jovens no Ceará

Acidente aconteceu quando tentavam atravessar um riacho e foram surpreendidos por uma 'cabeça-d'água'

Carmen Pompeu, Agência Estado

07 Abril 2008 | 16h10

Quatro jovens morreram ao tentar atravessar um riacho em meio a uma tempestade, domingo, 6, em Viçosa do Ceará, região da Serra do Ibiapaba, a 334 quilômetros de Fortaleza. De acordo com os Bombeiros, os quatro foram arrastados pela correnteza por 15 metros e acabaram caindo de uma cachoeira de 70 metros de altura. O acidente aconteceu em Pedra de Itarumã. Devido ao difícil acesso à região conhecida pela prática de esportes de aventura, o corpo de uma das vítimas só foi resgatado nesta segunda-feira, 7. Formando uma espécie de corrente humana, as irmãs Daniele Oliveira da Silva, de 13 anos, e Ana Paula Oliveira da Silva, 17, tentaram ajudar o casal de turistas Vicente de Paulo, 20, e Geisa Ribeiro, 15, a atravessar o riacho quando todos foram surpreendidos por uma "cabeça-d'água" - elevação súbita do nível da água provocada pela chuva na cabeceira da cachoeira. De acordo com o major Assis Azevedo, Vicente e Geisa eram namorados e moravam em Fortaleza. Eles faziam uma caminhada pela trilha da cachoeira e pediram ajuda às duas irmãs, moradoras da região, para fazer a travessia. Chovia muito e os quatro foram levados pelas águas. Os Bombeiros conseguiram localizar os corpos do casal e de uma das irmãs ainda no domingo, 6. O corpo de Daniele só foi localizado nesta segunda-feira, 7, de madrugada.  Também em Viçosa, os Bombeiros acharam, nesta segunda-feira, 7, o corpo de um homem de aproximadamente 23 anos, que caiu de um penhasco conhecido como Pedra do Machado.

Mais conteúdo sobre:
chuvasNordeste

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.