Chuva na Baixada Santista inibe movimento nas praias

Com tempo nublado e chuviscos durante a maior parte do dia, o movimento nas praias da Baixada Santista foi fraco no feriado desta quinta-feira.No Guarujá, o Grupamento de Salvamento dos Bombeiros (GPS), que monitora toda a orla marítima do Estado, informou que não houve nenhuma ocorrência de salvamento no mar. Porém, o tempo nublado lotou os calçadões das principais praias da cidade.A chuva afastou os turistas das praias de Praia Grande. De acordo com os bombeiros da cidade, a movimentação também foi bastante fraca para um feriado. No entanto, o tempo fechado não desanimou os amigos Juliana Roldon, de 26 anos, Natalia Gasparini, de 27, Paulo Pinotti, de 34 e Vinícius Manuel Pereira da Silva, de 27.O grupo, que mora na capital paulista, está passando o feriado em Praia Grande e disse que vai aproveitar a ausência do sol para jogar carteado e beber cerveja. Mesmo um pouco decepcionados com a chuva, os amigos não pretendem antecipar o retorno. "Vamos voltar só no domingo, faça chuva ou faça sol", diz Juliana.Já os fisioterapeutas Aline Curcio Araújo, Carolina Gheller e Ricardo Guerra que estão em Santos participando do Congresso Brasileiro de Fisioterapia, reclamaram bastante da chuva. "O Congresso termina no sábado, e nós pretendíamos pegar uma praia pelo menos no domingo", disse Guerra, que mora em Campinas.O vendedor de caipirinhas Pedro Ribeiro da Silva também se decepcionou com o tempo nublado. "Eu contava com um movimento bem maior, a praia estava vazia hoje e espero que o tempo melhore até domingo", diz Pedro, que trabalha em uma barraca de bebidas na praia do José Menino, em Santos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.