Chuvas castigam a região da Baixada Santista

As fortes chuvas que vêm caindo na Baixada Santista desde a noite de ontem causaram muitos estragos na região. Em Mongaguá, parte da Rodovia Manoel da Nóbrega teve de ser interditada, na manhã de hoje, em razão de um deslizamento da encosta. Em Santos, a Companhia de Engenharia de Tráfego interditou a Alameda Prefeito José Gomes, já que uma árvore de grandes proporções caiu, pondo em risco carros e motoristas.Mas a preocupação maior dos técnicos da Defesa Civil santista era com os morros, uma vez que somente no período entre de 6 e 9 horas da manhã, choveu 124 milímetros, volume que geralmente ocorre no mês inteiro. Segundo informou o assessor Luiz Marcos Albino, foi decretado estado de atenção nos morros, com vistorias imediatas no sopé do morro do Marapé, Vila Progresso (alto do Nova Cintra), Jardim Caneleira e José Menino.Já em São Vicente, além dos alagamentos e da queda de árvores, um concurso público para médicos e professores teve de ser cancelado, porque seria difícil para os candidatos chegarem às escolas. Também foi decretado estado de atenção naquela cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.