Cidade de São Paulo tem 17 pontos alagados

A chuva que voltou a castigar São Paulo no início da tarde desta quarta-feira, dia 29, causou diversos pontos de alagamento na cidade. Durante a madrugada, o temporal causou 33 alagamentos e elevou consideravelmente o nível do Rio Tietê.Por volta das 14h30, foram registrados 17 pontos de alagamentos transitáveis, a maioria deles na Marginal do Pinheiros, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura (CGE). Foi decretado estado de atenção em toda a capital. A água deixou apenas um ponto intransitável, na Avenida São Miguel, na altura da Avenida Dom Helder Câmara, na Penha.Também por causa da chuva, uma das faixas do emboque do Vale do Anhangabaú, na região central, foi interditada às 12h45, aumentando a lentidão na região.TietêDe acordo com a Secretaria de Recursos Hídricos de São Paulo, o Tietê não deve transbordar. Para que isso acontecesse, seria necessário que chovesse intensamente por 12 horas seguidas, segundo a secretaria. As obras de rebaixamento da calha do Tietê, inauguradas no último dia 19, aumentaram a capacidade de vazão do rio de 600 metros cúbicos para 1048 metros cúbicos, além de alargar as margens de 26 metros para até 45m. PrevisãoA Defesa Civil divulgou alerta com a previsão de chuva forte, raios, ventos de até 60 quilômetros por hora e queda de granizo em áreas isoladas dos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. Os temporais poderão ocorrer em regiões do sul de Minas Gerais e do Triângulo Mineiro; do sul do Rio de Janeiro - inclusive na região metropolitana, e em todo o Estado de São Paulo. Nessas áreas, na quinta e na sexta-feira, também poderá chover forte com raios.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.