Cidade do interior de SP só tem 4 policiais

Apesar do forte esquema de segurança montado nesta quinta-feira durante o encontro dos prefeitos petistas em Ribeirão Preto, com a maioria dispondo da proteção de policiais civis e militares, o prefeito de Rincão - cidade próxima a São Carlos -, Amarildo Bolito, disse que não teve escolha.Ele disse que viajou para Ribeirão sozinho, dirigindo seu próprio carro, porque a cidade, com 10 mil habitantes, ficaria apenas com um policial em serviço ao longo do dia, caso ele requisitasse um soldado para acompanhá-lo."A cidade possui apenas dois homens no policiamento. É preferível que eu corra o risco do que deixar 10 mil habitantes para serem cuidados por apenas um policial", comentou.Segundo a Polícia Militar em Rincão, o efetivo total da cidade é de quatro homens: um sargento, um funcionário em cargo burocrático e dois soldados que fazem o patrulhamento da cidade.O revezamento de folga e plantão é feito entre os quatro policiais em esquema de 48 horas trabalhadas para 24 horas de folga alternadas para cada um deles.O prefeito de São Carlos, Newton Lima, avaliou que os investimentos anunciados nesta quarta-feira pelo governo paulista na área de segurança pública devem resultar na melhora dos índices de policiais por habitante, pelo menos do interior do Estado."Pelo menos em São Carlos, precisaríamos ter mais 100 policiais ruas, além dos 189 atuais, para recuperar a relação policial por número de habitantes que havia em 1989", explicou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.