Cidades mineiras decretam situação de emergência por causa de seca

Enquanto a Região Metropolitana de Belo Horizonte sofre com os estragos provocados pelas pancadas de chuva, cerca de 37 cidades do interior do Estado decretaram situação de emergência por causa da seca. Conforme a Defesa Civil Estadual, em algumas cidades, já não chove há cerca de 50 dias. Para amenizar a situação das famílias do Norte de Minas e dos vales do Jequitinhonha e Mucuri, foram criados postos para receber cestas básicas, colchões, cobertores e água potável. A situação é grave no entorno das cidades de Teófilo Otoni, Lavras, Manhuaçu, Diamantina, Montes Claros, Juiz de Fora, Governador Valadares, Passos, Uberaba, Paracatu, Ipatinga e Bom Despacho, onde foram instalados os postos de arrecadação. Porém, é a população do Norte de Minas que mais vem sofrendo com a falta de água. Na cidade de Espinosa, cerca de cinco mil pessoas que vivem na zona rural estão sem água para beber. Os agricultores já perderam cerca de 90% da lavoura e o gado está morrendo com a seca do Rio Verde Pequeno.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.