Cilindro de voz da caixa-preta do Boeing da Gol é encontrado

As equipes de buscas da Aeronáutica e do Exército encontraram na tarde desta terça-feira, 24, o cilindro de voz da caixa-preta do Boeing da Gol que caiu na Serra do Cachimbo, no Mato Grosso, em 29 de setembro, matando 154 pessoas. O equipamento contém os dados de voz da cabine de comando do avião e é considerado um elemento importante da investigação. As informações do cilindro ajudarão no cruzamento de dados da outra caixa-preta do Boeing e das duas do jato Legacy, da ExcelAire. De acordo com informações do Ministério da Defesa, o equipamento será encaminhado por oficiais da Aeronáutica para o Canadá no sábado, 28, onde será analilsada por laboratórios especializados. A Aeronáutica afirmou também que continuam as buscas na região de Cachimbo e na fazenda Jarinã, no Mato Grosso, para tentar encontrar o corpo do último passageiro do vôo 1907, o bancário Marcelo Paixão Lopes, de 29 anos. Também são mantidas as operações para resgatar outros destroços da aeronave que possam auxiliar nas investigações em curso. Cerca de 380 militares, com apoio de seis helicópteros, participam da ação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.