Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

Cinzas do vulcão chileno voltam a afetar voos na Argentina

TAM e Gol, no entanto, afirmam que voos com destino ao país são operados normalmente

João Paulo Carvalho,

07 Julho 2011 | 11h28

SÃO PAULO - As cinzas do vulcão chileno Puyehue voltaram a prejudicar as operações nos aeroportos de Jorge Newbery, em Buenos Aires, e de Ezeiza, também na capital argentina.

 

Segundo informações da Agência EFE, foram cancelados todos os voos com destino ao Aeroporto Jorge Newbery, dedicado a operações internas e regionais, afetando a chilena LAN e as estatais Aerolíneas Argentinas e Austral. O mesmo aconteceu no Aeroporto Internacional de Ezeiza

 

Ainda de acordo com informações da agência, a Air France avisou que desviou seus voos a Buenos Aires para o aeroporto de São Paulo até que melhorem as condições de segurança.

 

No Brasil, entretanto, a situação está normalizada até o momento. A Força Aérea Brasileira (FAB) informou na manhã desta quarta-feira, 7, que as nuvens de cinzas vulcânicas estão fora do território brasileiro.

 

As companhias TAM e GOL disseram que todos os voos com destino à Argentina estão mantidos e operam normalmente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.