XANDO PEREIRA/AGÊNCIA A TARDE
XANDO PEREIRA/AGÊNCIA A TARDE

Clima de consternação marca sepultamento do bebê Davi, vítima do naufrágio na BA

Multidão acompanhou o cortejo fúnebre; comércio fechou as portas em sinal de luto

Heliana Frazão, Especial para O Estado 

25 Agosto 2017 | 15h47

SALVADOR  - O bebê Davi Gabriel Monteiro, de apenas 6 meses de idade, foi sepultado sob aplausos no final da manhã desta sexta-feira, 25, em clima de grande consternação, no Cemitério do Santíssimo, em Mar Grande,  na Ilha de Vera Cruz, região metropolitana de Salvador, onde reside a sua família. 

A criança era mais jovem entre as 18 vítimas do naufrágio ocorrido na manhã da quinta-feira, 24, na Baía de Todos os Santos. 

O corpo de Davi Gabriel foi liberado na noite de quinta-feira pelo Instituto Médico Legal (IML), de Salvador, e levado pelo pai e outros parentes para Mar Grande, onde foi velado por cerca de 12 horas em uma Igreja Adventista do Sétimo Dia, com a presença da família e muitos moradores da região. 

Muito abatida, a mãe do garotinho, identificada apenas como Ana Paula, ficou pouco tempo no velório e não participou do cortejo nem do enterro. 

Logo após o acidente, ao saber que o filho tinha morrido, ela se sentiu mal e precisou ser internada em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), nas proximidades do IML, na capital baiana. O pai de Davi, Renivaldo Coutinho, muito emocionado chegou a ser amparado por amigos e familiares .

Antes do sepultamento, o corpo de Davi seguiu em cortejo pelas ruas da pequena cidade, que teve o comércio fechado em sinal de luto e solidariedade às famílias das vítimas. A multidão acompanhou a despedida do garotinho cantando músicas evangélicas.

A criança estava na lancha acidentada, Cavalo Marinho, em companhia da mãe, da avó e de uma irmã de cinco anos. Seguia para uma consulta com o pediatra, em Salvador. Na ocasião do naufrágio, a mãe se salvou se agarrando a umas correntes, mas não conseguiu segurar os filhos, que caíram na água, eles foram resgatados com vida por um marinheiro, mas Davi morreu quando recebia os primeiros socorros.

 

Mais conteúdo sobre:
Salvador [BA] Naufrágio Enterro Criança

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.