Ministério das Cidades/Reprodução
Ministério das Cidades/Reprodução

CNH digital já pode ser acessada pelo smartphone

Governo lançou vídeo explicando o funcionamento da CNH eletrônica, que está disponível apenas em versão de demonstração

O Estado de S.Paulo

28 Agosto 2017 | 18h29

SÃO PAULO - A versão de demonstração da carteira nacional de habilitação (CNH) eletrônica já pode ser acessada por smartphones de todo o País. Trata-se apenas de uma versão inicial para mostrar como será o funcionamento da CNH-e, que deve entrar em vigor em 1º de fevereiro de 2018. 

O Ministério das Cidades explica que os Departamentos Estaduais de Transporte (Detrans) já podem iniciar os testes para se adequarem com antecedência. Até agora, nenhum Detran está emitindo a CNH-e. 

A partir de fevereiro do ano que vem, o documento poderá ser apresentado no lugar da carteira física e vai ser identificado pela leitura do QR Code (código digital).  A nova carteira terá a mesma validade do documento impresso, que ainda será emitido normalmente.

Somente condutores que tenham uma CNH impressa com QR Code poderão obter uma versão disponível pelo celular. No futuro, será possível conferir o número de multas, receber avisos de vencimento e informações de campanhas de trânsito. Em caso de perda do smartphone, o bloqueio poderá ser feito pela internet.  

O governo elaborou um vídeo explicando como a CNH-e funcionará.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.