CNJ quer mutirão em Tribunais do Júri

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovou recomendação para que os Estados promovam mutirões para acelerar os julgamentos de crimes contra a vida nos Tribunais do Júri e deem prioridade no julgamento dos processos criminais com réus presos. Entre os exemplos de atrasos está Jaboatão dos Guararapes (PE), que tem 3 mil júris para serem feitos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.