Ronaldo Bernardi/Agência RBS
Ronaldo Bernardi/Agência RBS

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Colégios da rede Marista em Porto Alegre reforçam segurança após suposta ameaça de atentado

Medida foi tomada em cinco colégios e 12 unidades do grupo após mensagem circular em rede social

Ana Paula Niederauer, O Estado de S.Paulo

28 de março de 2019 | 11h56

SÃO PAULO - Após ameaças de um suposto atentado em escolas da rede Marista, divulgadas em redes sociais na noite desta quarta-feira, 27, os colégios do grupo em Porto Alegre (RS) amanheceram nesta quinta-feira, 28, com reforço na segurança.

Uma imagem com ameaças de ataque circulou em grupos de WhatsApp e deixou professores, pais e alunos preocupados na noite desta quarta-feira. 

Na imagem, a mensagem dizia que o autor está "cheio desses macacos do RS, dia 28 irão presenciar o maior troll no colégio marista em porto alegre. Alguém me venderia ou doaria balas para um bem maior, quando irei entrar na minha escola e matarei o máximo de pessoas possível e tirarei a minha vida seguido de uma bala na boca", escreveu.

Em nota, a rede Marista informou que assim que a instituição recebeu as informações, prontamente acionou os órgãos de segurança pública para que tomassem as medidas cabíveis.

Segundo o grupo, a Brigada Militar já se comprometeu e reforçou a segurança em cinco colégios e 12 unidades sociais da rede Marista. As aulas não foram suspensas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.