Colisão frontal deixa 4 mortos na BR-386 na cidade de Iraí, no norte gaúcho

Gol teria rodopiado num trecho de curva e atingiu caminhão de frente no quilômetro 12

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

11 de julho de 2012 | 03h21

SÃO PAULO - Quatro pessoas morreram, por volta das 19 horas de terça-feira, 10, após um Gol, placas IHU 2600, de Frederico Westphalen(RS), invadir a pista contrária e atingir de frente um caminhão Scania, modelo 113, placas AFB 9345, de Francisco Alves(PR), no quilômetro 12 da BR-386, no limite entre Iraí e Frederico Westphalen, no norte gaúcho, a 450 quilômetros de Porto Alegre.

 

Segundo o que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apurou com o caminhoneiro, que saiu ileso, o veículo de passeio, conduzido por Leoclides Machado dos Santos, de 60 anos, teria se perdido num trecho de curva, antes do acesso à ponte sobre o rio da Várzea, que fica no limite entre as cidades, rodopiou e invadiu a pista contrária. Com a colisão, o Gol partiu-se ao meio e parte do veículo, onde ficaram as pessoas, praticamente ficou debaixo do caminhão. Todos os ocupantes do Gol morreram no local.

 

Além do motorista, dois dos três passageiros também foram identificados, são eles: Jair Antonio Piloni, de 40 anos, e Mateus Machado dos Santos, 22. O terceiro passageiro, do sexo masculino, ainda não teve a identidade descoberta pela polícia. Os corpos foram encaminhados para o IML de Frederico Westphalen. Não se sabe ainda se condutor do Gol perdeu o controle do veículo por eventualmente estar em velocidade incompatível com o traçado da rodovia naquele trecho ou se a causa foi algum problema mecânico no veículo.

 

Os quatro ocupantes do Gol, segundo informações preliminares da PRF, eram colegas que retornavam para Frederico Westphalen, onde todos residiam. O caminhão estava vazio e seguia para o Estado do Paraná.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.