Colisão frontal mata 3 da mesma família

Uma colisão frontal causou a morte de três pessoas de uma mesma família e ferimentos em outras três, por volta de 11h desta quinta-feira, na rodovia Assis Chateaubriand (SP 425), município de Barbosa, na região de Araçatuba.O acidente, que envolveu três veículos, interditou a rodovia durante duas horas, no quilômetro 273, provocando um congestionamento de cerca de dois quilômetros.Segundo a Polícia Rodoviária, uma picape Toyota Bandeirante, do município de Assis Chateaubriand (PR), seguia na direção de São José do Rio Preto e tentou ultrapassar um caminhão Mercedes Benz de Londrina (PR).O motorista da picape, Antônio Fernandes, de 56 anos, não conseguiu concluir a ultrapassagem e bateu de frente com um Corsa de Mirassol (SP).Os três ocupantes do Corsa ficaram presos nas ferragens e morreram: o motorista Edilson Aparecido Martins Carrijo, de 23 anos, sua mulher, Regiane Manzano Martins, 19 anos, e a filha do casal, Beatriz Manzano Martins, de apenas 14 dias.Antônio Fernandes foi hospitalizado na Santa Casa de Penápolis, assim como seus acompanhantes, Eliane Andréia de Moura, 29 anos, e o menino Gabriel Wilson de Moura, de 2 anos.O estado de Fernandes e Eliane é grave, mas aparentemente eles não correm risco de vida, segundo informou o hospital. O menino teve ferimentos leves.O caminhão, dirigido por Arinaldo de Medeiros, 47 anos, não chegou a ser atingido no acidente. A rodovia Assis Chateaubriand é uma das mais perigosas da região de Araçatuba.A estrada é de pista simples, não tem acostamento, e a manutenção, a cargo do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), não é satisfatória. O perigo aumenta por causa do tráfego intenso de caminhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.