Com seca, Piauí instala redes de abastecimento de água

Investimento inicial é de R$ 18 milhões e visa diminuir os custos de transporte de carros-pipa às cidades

Solange Spigliatti, Central de Notícias,

16 de setembro de 2009 | 12h28

O governo do Piauí está instalando poços e redes de abastecimento de água com o objetivo de diminuir os gastos com os serviços carros-pipa para os municípios da região do semiárido que sofrem com a estiagem. A Secretaria Estadual de Defesa Civil deu início ao Programa de Desmobilização da Rota de Carro-Pipa e começa o trabalho de perfuração e instalação de poços e redes de abastecimento de água em 25 municípios dessa região.

 

Veja também:

linkSeca no Piauí deixa 20 municípios em situação de emergência

 

Com recursos iniciais de R$ 18 milhões, o programa beneficiará nesta primeira etapa mais de 250 comunidades do semiárido e proporcionar melhoria e qualidade de vida a essas populações, "porque ao invés de as famílias ficarem esperando o carro-pipa chegar com a água, usarão o produto diretamente dos poços tubulares ou das redes de abastecimento que já estarão implantadas em suas próprias comunidades", diz o secretário estadual de Defesa Civil, Fernando Monteiro.

 

O secretário explica que em função desses investimentos com poços e redes de abastecimento, o Governo tem diminuído os gastos com os carros-pipa no período da estiagem. Em 2006, foram gastos R$ 3,5 milhões; em 2007, esses gastos caíram para R$ 2,2 milhões e R$ 1,7 milhão, em 2008. Somados aos 26 municípios beneficiados no ano passado, já são 51 municípios do Piauí que recebem sistema de abastecimento de água, "minimizando, com isso, esse problema da falta d'água e necessidade de gastos com carros-pipa", frisa.

 

Convênios

 

Uma outra iniciativa do Governo do Piauí está possibilitando a garantia de água potável durante todos os meses do ano a 107 localidades de 91 municípios do Estado. O convênio, firmado entre a Secretaria Estadual de Defesa Civil e Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf), beneficia diversos municípios que sofrem por causa da escassez de chuvas. São investimentos de R$ 2,5 milhões que já beneficiaram, até agora, mais de 60 municípios. Essas obras, que beneficiarão cerca de 4.500 famílias, devem estar concluídas até dezembro deste ano.

Tudo o que sabemos sobre:
Piauísecaclima

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.