Começa julgamento do acusado de matar estudante de medicina no PE

Vítima era filho de ex-catadora de lixo e primeiro colocado no vestibular; crime ocorreu em fevereiro de 2010

Marcela Gonsalves, estadão.com.br

14 de junho de 2011 | 16h33

SÃO PAULO - Começou nesta terça-feira, 14, o julgamento de João Guilherme Nunes da Costa, acusado de atirar contra o estudante de biomedicina Alcides do Nascimento Lins, de 22 anos, em Pernambuco. A sessão começou às 13h15 e acontece no Fórum Rodolfo Aureliano, em Recife.

 

A culpabilidade do rapaz será decidida por júri popular, composto por sete pessoas. A sentença deve sair ainda hoje. O suspeito, conhecido como Guiga, era foragido da polícia - foi condenado a 16 anos de prisão por homicídio - e respondia a cinco processos quando foi preso, dois por homicídio e os demais por assalto a banco e furto qualificado.

 

O crime aconteceu em fevereiro de 2010 causou comoção pois Alcides era filho de uma ex-catadora de lixo e havia conseguido a primeira colocação, entre os alunos de escola pública, no Vestibular da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) em 2007. Ele se formaria no final do ano passado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.