Comerciante é morto no 1º latrocínio do ano

O dono de uma padaria de Indaiatuba, a 112 quilômetros de São Paulo, foi morto com três tiros anteontem. Segundo a Polícia Militar, é o primeiro caso de latrocínio (roubo seguido de morte) neste ano na cidade. Rafael Guerra, de 26 anos, reagiu ao assalto. Seu funcionário, Hugo de Carvalho, também levou um tiro, mas não corre risco de morrer.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.