Comerciante que matou mulher a machadadas se suicida

O comerciante Floriano dos Santos Nascimento, de 52 anos, foi encontrado morto no final da tarde de ontem numa cela individual do Centro de Detenção Provisória de Taubaté, no Vale do Paraíba. Nascimento havia sido preso em flagrante no início da semana, quando matou a machadadas a própria mulher, a professora Vera Lúcia Nascimento de 50 anos, em Campos do Jordão. O motivo, segundo depoimento do acusado à polícia civil, seria a repartição dos bens. O casal iria formalizar a separação na última quinta-feira.Quatro horas antes de ser encontrado morto, o comerciante participou da reconstituição do crime. Abatido, ele disse que estava arrependido mas colaborou com o trabalho da polícia. Parentes da professora acompanharam a reconstituição e duvidaram do estado de arrependimento do acusado.Depois da reconstituição o comerciante foi levado para Taubaté, onde aguardaria o julgamento no Centro de Detenção Provisória. Às 17h30, um agente penitenciário encontrou o corpo de Nascimento, que se enforcou com lençóis. O comerciante foi enterrado no mesmo dia no cemitério de Campos do Jordão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.